Barra de Reversão

Home / Modernização / Adequação de Normas / Barra de Reversão
Home / Adequação de Normas / Barra de Reversão

ABNT NBR 15597 Subseção 5.7.6

Proteção contra impacto de portas de cabina e portas pavimento do tipo corrediças horizontais automáticas.

Todos os elevadores devem ser equipados com dispositivos de proteção de portas de acordo com 7.5.2.1 e 8.7.2.1 da ABNT NBR NM 207:1999, e devem atuar com mínimo em toda a zona compreendida entre 25 mm e 1800 mm de altura, medida a partir do piso da cabina. Este dispositivo deve atuar sem necessidade de contato físico com a(s) folha(s) de porta(s).

ABNT NBR NM 207:1999 7.5.2.1

Portas corrediças horizontais

ABNT NBR NM 207:1999 7.5.2.1.1

A força necessária para impedir o fechamento da porta não deve exceder 150 N. A medida desta força não deve ser feita no primeiro terço do percurso da porta

ABNT NBR NM 207:1999 7.5.2.1.2

A energia cinética da porta de pavimento e os elementos mecânicos rigidamente ligados a ela, calculada ou medida a velocidade média de fechamento não deve exceder 10 J.

ABNT NBR NM 207:1999 7.5.2.1.3

Um dispositivo de proteção deve iniciar automaticamente a reabertura da porta caso ela bata (ou esteja na iminência de bater) contra uma pessoa que esteja na entrada durante o movimento de fechamento.

a) Este dispositivo de proteção pode ser o da porta da cabina ( ver 8.7.2.3 ).

b) O efeito do dispositivo pode ser neutralizado durante os últimos 50 mm do percurso da cada folha de porta.

c) No caso de um sistema que torne inoperante o sistema de proteção sensitivo depois de um certo período de tempo, para evitar obstruções prolongadas durante o fechamento da porta, a energia cinética definida acima não deve exceder 4 J com o dispositivo de proteção inoperante.

ABNT NBR NM 207:1999 8.7.2.1.3

Um dispositivo protetor sensível deve iniciar automaticamente a reabertura da porta no caso de uma pessoa ser atingida (ou estar para ser atingida) pela porta ao cruzar a entrada durante o movimento de fechamento da porta.

a) Este dispositivo de proteção pode ser o da porta da cabina ( ver 8.7.2.3 ).

b) O efeito do dispositivo pode ser neutralizado durante os últimos 50 mm do percurso da cada folha de porta.

c) No caso de um sistema que torne inoperante o sistema de proteção sensitivo depois de um certo período de tempo, para evitar obstruções prolongadas durante o fechamento da porta, a energia cinética definida acima não deve exceder 4 J com o dispositivo de proteção inoperante.

Orçamento

Veja Outros Modelos